Tags

, , ,

…E eu sou um idiota.

Sério, agora é oficial, odeio dinâmicas, entrevista de empregos e mais do que tudo precisar delas!

Vamos partir  do inicio, fui fazer uma entrevista de emprego hoje (todos pensam “Viva”), numa empresa grande. A vaga é muito boa, um estagio que eu estava desejando a algum tempo já.

Os “concorrentes” são muito simpáticos – até troquei email com um deles – e inteligentes. E de certo modo eu estava verdadeiramente empolgado.

E então entramos para dinâmica. Uns dois dias antes fomos avisados que deveríamos levar recortes, matérias e materiais visuais para a dinâmica, alguma coisa que nós traduzi-se como pessoa. Eu fiz:

Não ficou como eu queria, mas achei que ficou diferente e interessante

 Chegando lá tudo certo, até que ela fala, “”Usem o que vocês trouxeram e podem se apresentar!”.

Ótimo, todos vão lá falam de seus sonhos, de porque a vaga é interessante e todas as suas realizações…No fim ela pergunta – preste muita atenção querido leitor, que o que realmente importa é a pergunta – “Que animal você gostaria de ser e por quê?”…

Ok, não sei vocês mas eu nunca quis ser outro animal! E além disso, o que pensar em ser um animal tem a ver com seu eu sei desempenhar ou não minha função?

Whatever, chega a minha vez e sabe de uma coisa, me senti um idiota. Quero dizer ela estava pouco se lixado para o que você fez, para o que você realizou ou para o que você sabe, ela deseja apenas que você acerte o animal que ela quer ouvir com a característica que ela quer ouvir!

Bem pode ser qualquer resposta pronta, a dependência do gato, a lealdade do Cão,  a liberdade do pássaro….E o que essa besta responde?

” Um cavalo, pois é um animal altivo, e por mais que seja domado possui uma personalidade forte!”

Lógico tudo que você – eu – tem de dizer em uma entrevista de emprego é “Vocês não conseguem me domar!”

Devo ter feito esta cara quando a ficha caiu

Sério devo ter feito uma cara muito idiota quando a ficha caiu, minha única solução foi voltar para o meu lugar em silêncio. E fingindo que nada ocorreu.

Segunda parte da dinâmica trabalho em equipe…té ai tudo bem, se meus colegas de grupo não fossem tão previsíveis, mas fazer o que né?! a ideia na realidade não ser o líder, mas sim se mostrar participativo porém contestador.

E ao fim, ninguém sabe se foi bem, se foi mal, se falou merda, se fez merda… Na proxima vez eu vou começar a apresentação dizendo:

“Boa tarde, meu nome é José Moreira Neto, e eu sou um idiota…Não que vocês estejam prestando atenção mesmo.

Talvez assim eu conquiste uma vaga numa grande empresa, afinal um dia a gente acerta o bicho que a psicologa quer ouvir né.

Anúncios