Tags

, ,

Nhk ni youkosoTrata-se de um anime muito interessante que eu descobri perdido pela net.Datado de 2006 para 2007 conta a historia de um hikikomori japones chamado Satou Tatsuhiro que após conhecer uma menina muito estranha entra num programa de tratamento – desenvolvido pela propria guria –  para se curar da sua condição de hikikomori.Nesse programa de tratamento ele vive as mais diversas situações como ter que sair de casa a luz do dia, fazer compras e estudar.Esse anime trata de questões socias muito presentes na sociedade nipponica como o hikikomori – jovens que se trancam em casa e são sustentados pelos pais por terem fobia social -,  abordando tambem o tema como o otaku japones e suicidio coletivos.

Minha opinião: Considero que foi um verdadeiro achado,  mas por ser um anime mais sério não o recomendo a muitas pessoas,não tem poderzinho nem nada do gênero, e nos cativa pela simplicidade do enredo.Muitas vezes ele se mostra tenso e muitas outras vezes é um anime bem agradavel que consegue nos fazer rir e pensar como o Satou consegue se meter em umas situações tão estranhas e nonsense.É realmente gostoso de assistir o desenrolar da trama e como ele vai melhorando com o passar do tempo – não só ele mas os personagens secundarios tambem,uma vez que els conseguem chamar muito a atenção de telespectador -,e o mais importante a abordagens é muito realista o que acaba sendo um ponto positivo para a série.Com temas desde a rejeição por otakus, suicidio coletivos e o papel do filho na sociedade japonesa, o anime se supera e mostra sua força.

Quando Nietzsche chorou – Livro baseado na origem da parapsicologia.Trata-se de um romance que une tres personagens que aparentemente não possuiam convivo – do ponto de vista historico – para delimitar de que maneira os estudos sobre a mente humana tornaram os rumos que conhecemos.Através de personagens como Sigmund Freud, Josef Breuer , e Nietzsche o autor consegue fazer o leitor realmente acreditar que foi dessa forma que tudo teve início.No livro são narradas as conversas do doutro Breuer com Nietzsche e de que forma esse tenta cuidar de seu sofrimento através da conversa pura e simples.

Minha opinião: Sinceramente um livro para poucos.É um livro extremamente denso e rico em detalhes que possui um leitura dificil – não pela palavras ou termos usados, mas sim pelas implicações psicologicas das conversas.De certa forma é um livro bem agradavel apesar de ser muito pessado,vale a pena pelas ideias de Nietzsche que foram colocadas quase que na integra durante os dialogos.Enfim um livro que so interessa quem gostar de embates filosóficos.

Anúncios